"O QUE É PROJEÇÃO ASTRAL?
Todas as noites, nossa consciência deixa de se manifestar no corpo físico e passa a se manifestar livremente num universo infinito de coisas fantásticas e maravilhosas... Habituada a esta situação, nossa consciência anseia por se libertar desligando-se instantaneamente de um cérebro físico preso a crendices, medos, condicionamentos e limitações Entretanto, quando a pessoa começa a se libertar de suas "barreiras" e a transcender a si mesma, também começa a ocorrer um fenômeno conhecido por diversos nomes: projeção astral, projeção da mente, desdobramento espiritual, projeção da consciência, sair consciente do corpo físico, experiência fora do corpo (EFC), viagem astral, etc. Porém, para mim, que vivencio este fenômeno todas as noites, passei a considerá-lo como um estado de "CONSCIÊNCIA EXPANDIDA", através do qual, posso pesquisar, investigar, analisar, realizar experiências, etc..."

Uma corrida de 50 quilômetros

Uma corrida de 50 quilômetros  Esta noite (06/11/2014) eu estava perambulando por aí, quando senti vontade de voltar para casa
Senti/percebi que eu estava distante de casa cerca de uns 50 quilômetros
Com eu sabia disso???
Já não me surpreendo com este tipo de percepção, pois sei que nossa consciência pode, as vezes, saber distancias e localizações com uma perspectiva maior
Olhei a estrada à minha frente e saí em desabalada carreira
A paisagem à minha frente passava com rapidez cada vez maior
Não sentia minhas pernas e nem o contato com o chão
Percebia que era a minha vontade que comandava a ação
Poderia ter me deslocado instantaneamente, porém, era divertido aquela correria
Cheguei em pouco tempo, bem diferente portanto de minhas limitações no físico

Artigos Relacionados

  • » Chicotadas
  • » Um paraíso se desvanecendo...
  • » Um capeta e depois outro
  • » Vai demorar ???
  • » Escuridão total
  • » Hospital de caridade
  • » Reassumindo o corpo astral
  • » Uma mulher alta
  • » Aflições e desespero
  • » Extrema penúria
  • 88 Comentarios Até agora

    1. Pessoa disse:

      Olá,suas postagens são bem legais,vou aprender a vasculhar mais no astral,só consegui uma vez e não sei se foi sonho lúcido ou projeção,queria tambem lhe perguntar se é possivel fazer projeção de costas,tenho adenoide e só consigo dormir de costas,me sinto desconfortável quando deito de barriga para cima ou de lado,e não sei por que mas,me sinto mais apto para fazer projeção na casa de meu avô do que em minha propria casa,não sei se é pelo fato de ter muitas pessoas mas é ai que está,tem muitas pessoas e acaba interrompendo e eu tenho medo de fazer a noite,tudo bem que pode ser a mesma coisa(não sei)fazer a noite ou a tarde mas eu não gosto de tentar a noite. Vlw e obrigado.

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Pessoa

        Podemos sair do corpo deitado de qualquer forma, seja de dia ou de noite

        Não tenha receios de sair projetado à noite, pois ninguém no astral pode nos fazer mal

    2. Antonio Cleber disse:

      Amigo, e fico imaginando, eu projeto algumas vezes mas nem sempre eu consigo acordar de um sonho ou até mesmo deixar meu corpo.
      Cara como voce faz para projetar todos os dias? Ja tentei varias tecnicas, saltinho, puxar dedo durante o dia e tals….energizar chacras, pensamentos positivos durante o dia e tals…e não consigo essa proeza de desdobrar todos os dias….projetei semana passada e estou até hj sem nem sequer acordar de um sonho.

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Antônio

        Aqui no físico, geralmente as pessoas estão condicionadas a aceitarem as coisas passivamente, sem questionar

        Procure desenvolver a habitualidade de questionar tudo o que ver pela frente

        Esta habitualidade também funciona quando estiver no astral e você se questionará coisas, como por exemplo:

        “Aonde estou???”

        “Que lugar é esse???”

        “Como vim parar aqui???”

        “Estou no físico ou no astral???”

        Isso ajuda em muito a despertar no astral

    3. Alguém disse:

      O dia que eu sair a gente pode marcar uma maratona no astral? kk

    4. Mariana Silva disse:

      Roberto, no astral, a comunicação é por pensamentos e não há voz, não seria estranho? com essa minha estranheza, consigo ver que é apenas um condicionamento como seria se não existisse voz e fosse tudo por pensamento aqui no físico, se assemelha a um ser mudo, me vem certa estranheza kkk

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Mariana

        Devido aos condicionamentos, quando estamos no astral, falamos normalmente como no físico

        Entretanto, não há propagação de som/voz

        Ou seja, na realidade apenas temos a impressão de falar, pois a comunicação acontece pelos pensamentos, pelos sentimentos, pelas impressões e sensações

    5. Marcio Vidal disse:

      Olá Roberto,
      a maioria das vezes que entro em EV, eu mesmo me boicoto. É que naquele instante sonho que estou em situações que tenho que me mexer. Essa última, estava embaixo de uma carro na parte de trás e eu dizia para um senhor avisar ao motorista para que ele não desse ré, mas ele não entendia e eu tentei sair dali (cheio de medo!), nesse momento, me mexi e acordei saindo do EV.
      Abraços

      • Marcio Vidal disse:

        Oi Roberto,
        no comentário anterior, não sei onde estava com a cabeça… É catalepsia projetiva!!
        MVidal

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Marcio

        É necessário desenvolver o autocontrole, impor sua vontade e sair dali

        Ou então, naquele momento, procure sutilizar suas vibrações, que você adquire mais lucidez e se liberta facilmente da situação

    6. Rodrigo disse:

      Olá Roberto , num outra noite eu acordei e fiquei sentado na cama e não sabia se deitava ou levantava ai pensei será que é sonho to acordado ou o que , e lembrei sera que sai do corpo , ai te pergunto se a pessoa pode sair e ficar ainda junto ai na cama com o corpo fisico praticamente junto , só que não percebi nenhum EV ou nada puxando , barulho tava tudo bem tranquilo

      ai eu aproveitei e fiz os testes de puxar os dedos olhar pra palma da mão só que não vi nada de mais e meu dedo tambem não esticou nem nada , beleza !

      só que um detalhe era de madrugada e meu quarto a cortina e do tipo blackout fecho ela vira um breu até de dia se fecha-lá já não enxerga nada ainda mas de madrugada

      tudo bem então que não vi nada de mais na minha mão e dedos mas como eu consegui enxergar tudo como se fosse com a luz acessa do quarto , pois vi os detalhes da minha mão e dedos

      e como não vi nada de mais voltei a deitar e depois lembro que acordei e estava tudo bem escuro como o esperado !

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Rodrigo

        Pelo que descreve, você adquiriu consciência já estando fora do corpo e por isso não passou pelo EV e nem percebeu os ruídos intracranianos

        Sim, podemos sair do corpo e ficar próximo do corpo físico

        Eu também já fiz a experiência de puxar os dedos e não esticou nada. Talvez isso ocorra devido nosso corpo astral estar mais compacto, naquele momento

        No astral enxergamos/percebemos com a consciência e por isso enxergamos de forma nítida, mesmo no escuro total

    7. Pedro Couvo disse:

      eRoberto,

      Hoje, tive um sonho estranho e interessante. No sonho, eu estava conversando com um colega de trabalho algo sobre o pós morte. Embora tenha sido sonho, eu sabia que estava no astral. Entre várias coisas, ele me contou sobre um pobre rapaz que trabalhava vendendo macaxeira nas feiras, empurrando um carrinho de mão. Esse rapaz teria morrido e, no astral, ele continuava empurrando seu carrinho de macaxeira, como se ainda dependesse dele pra “sobreviver”. Inclusive, o cara que me contava disse que viu esse cara perambulando com seu carrinho e que o carrinho meio que flutuava (não usava rodas). Dentro do carrinho, as macaxeiras pareciam estragadas e, de vez em quando, surgia, do nada, uma macaxeira boa, que o rapaz pegava e comia, pois vivia com fome. Seria isso um fato real ou apenas um onirismo meu?? Acontece isso mesmo, nos umbrais??

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Pedro

        Sim, há pessoas que desencarnam e depois dão continuidade as habitualidades e condicionamentos do físico

        Já vi pessoas no astral fazerem coisas continuadas e de forma repetida

        A sensação de fome no astral, pode ser reflexo de sensações que ele tinha no físico

    8. Rodrigo disse:

      Também já fiz isso!

    9. Marcos disse:

      Incrível experiência! eu já vi na internet, um homem que afirmava, estar em um certo lugar no astral toda noite, e que as pessoas, poderiam se encontrar.com ele e ele as orientariam pelo astral, isso é possível ,.e.é uma boa ideia?

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Marcos

        Possível é

        Entretanto, devido ao pequeno numero de pessoas que se projetam, ainda é complicado se encontrar no astral, pois dois projetores precisariam estar lúcidos e com desenvoltura suficiente, ao mesmo tempo, isto é, num mesmo momento e num mesmo local

        Com a continuidade das experiências e o aumento do numero de projetores, a tendência é estes encontros se tornarem, ao poucos, mais fáceis e frequentes

    10. Renato disse:

      Olá novamente Sr. Pineda, Bom Primeiramente pesso Desculpas por te perguntar coisas fora do assunto acima.. Bom, Sr Pineda Eu tive um dia Completamente normal, Exceto agora à tarde, Aconteceu o seguinte, Eu estava na Varanda de casa olhando pra Rua, e apareceu um casal passando na rua, E reparei que eles me olhavam, mas o garoto me olhou mais. E depois disso me senti super bem “Não sei por que” eu estava tranquilo comigo mesmo, Mas agora tô me sentindo mal. São 21:20e quando me levanto pra andar sinto Tontura e mesmo deitado tô mal.. Dor de cabeça.. Queria saber se é possivel uma pessoa passar energias densas pra outra pessoa? E se isso é possivel, Por que isso me afetou?

      Obs: Não fiz nada que me fizesse mal, Nao to doente. Nada!! Isso tá acontecendo devido o garoto ter me olhado.. Desculpa por te fazer essa pergunta, é que eu não vejo outra forma de isso ter acontecido.
      Desde já. Abraços.

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Renato

        Sim, outras pessoas podem nos passar tanto energias densas como energias sutis

        Todos nós vibramos energias e interagimos com outras pessoas, o tempo todo

        E dependendo da situação, tanto podemos nos sentir bem, como nos sentir mal com esta interação

    11. TOM disse:

      Eu vi um umbralino criando praticamente um mundo paralelo, tinham milhões de pessoas literalmente sendo hipnotizadas e vampirizadas e criando e entrando nas projeções desse arquiteto umbralino. Era uma energia enorme. Como que ele consegue fazer isso??? Se ele é tão esclarecido porque ele não fica ”bom”,porque alguém assim com tanto conhecimento fica no umbral e/ou ninguém interveio no ato dele???

      É possível usar essa energia para atacar planos astrais mais elevados???

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Tom

        Nas regiões umbralinas há pessoas inteligentes, que aprendem rápido e conseguem influenciar muitas outras pessoas, aproveitando-se dos condicionamentos e falta de entendimento destas pessoas

        Conseguem agrupar e formar grandes exércitos, veja por exemplo, minha experiência abaixo:

        http://projecaoastral.com/experiencias/guerra-no-astral/

        Entretanto, perdem tempo com bobagens, pois suas ações ficam restritas as regiões umbralinas, como numa espécie de círculo vicioso

        Eu entendo que não conseguem atacar planos astrais mais elevados, pois suas vibrações densas impedem

    12. hector disse:

      Bom dia a algumas semanas comecei a pesquisar ao respeito do assunto ainda não tive nenhuma experiência parecida com os relatos do sr. Gostaria de saber se e possível pra qualquer um ter esas experiências. Quais os benefícios da projeção astral consciente. Desculpe a ignorância. Obrigado

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Hector

        Sim, qualquer pessoa pode ter experiências no astral, pois é uma condição natural de nosso ser

        Todas as pessoas saem de seus corpo físicos todas as noites

        O que ocorre é que nossa consciência está habituada com o astral e não quer ficar presa aos medos, crendices e condicionamentos do cérebro físico. Por isso, para se desprender e desfrutar de toda liberdade no astral, promove os chamados “apagões”

        Os benefícios da Projeção astral são imensos, veja por exemplo, o que descrevi no meu site e que poderá ser lido no link abaixo:

        http://projecaoastral.com/conceitos/

        Para quê fazer projeção?

        Para saber, sentir, perceber, conhecer, poder investigar coisas, fazer comprovações, entender e compreender “o quê somos nós e o quê é a realidade à nossa volta” por nós mesmos, sem depender de ninguém… nos libertando de medos, crendices e condicionamentos

    13. Helvécio Souza disse:

      Tenho tido há muito anos, com frequencia irregular, o que se poderia chamar de “experiências extra-corpóreas”. Entretanto, nunca me aprofundei no estudo desta questão, apesar de existir um grande número de evidências que apontavam que estes fatos superariam a mera coincidência. Todavia, essas projeções aconteciam durante o sono. Nesse final de semana aconteceu algo muito curioso: estava deitado assistindo a um GP de F1 e depois de um cochilo, abri os olhos e tive a sensação que havia mais alguém deitado na cama comigo. Não conseguia mover nada além dos olhos. Depois do susto inicial, percebi que era eu mesmo, em outra posição: pude ver meu braço, minha mão segurando o controle remoto e minhas pernas (as quatro) quer dizer, meu corpo em parte duplicado. podia ver também todo o ambiente, a TV, a janela, as paredes. assim como ouvir os sons. Me acalmei, fechei os olhos, procurei sentir novamente meu corpo e “voilà”. tudo retomei meu corpo inerte. Seria isso uma projeção “semi-consciente”? uma ilusão induzida pelo sono? Se puder expor sua opinião, serei-lhe muito grato.

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Helvécio

        Sim, pelo que descreve foi uma projeção astral

        Para um projetor é relativamente comum perceber o seu próprio corpo deitado na cama

        Projeção é apenas percepção do ambiente mais sutil, ou seja, do astral

        Nesse ambiente mais sutil, geralmente nos manifestamos em outro corpo chamado de “corpo astral” que é idêntico ao nosso corpo físico

        Dê continuidade as suas experiências sem medo de nada, pois no astral ninguém pode nos fazer mal

        Procure sutilizar suas vibrações, pois isso ajuda e facilita em muito as projeções

        Para sutilizar suas vibrações, procure desenvolver e manter uma constante (padrão vibratório) de bons pensamentos, sentimentos, atos, palavras e sintonias

        No meus site, descrevi algumas “dicas” que poderão ser lidas no link abaixo:

        http://projecaoastral.com/tecnicas/

    14. tom disse:

      É possível que eu seja meu próprio avô? Minha avó se chamava Camila e faleceu em 2005, quando eu tinha 28 anos. Meu avô se chamava Fabrizzio e faleceu em 1960, bem antes de eu nascer.

      O problema é que, mais ou menos assim como o senhor, bem para menos aliás, eu sempre tive esses ”deslumbres astrais”. E num desses deslumbres, vendo fotos do meu avô e sintonizando com minha avó no astral anos após o desencarne dela, eu percebi que eu era o meu avô Fabrizzio. Percebi, porque 2 videntes, sem que uma (até onde eu sei) se comunicassem umas com as outras, me dissessem que na última encarnação eu era italiano que veio da Europa tentar a vida no Brasil, etc… características essas semelhantes as do meu avô.
      Já me disseram num umbral um pouco menos denso que eu tinha ”trepado com a minha avó” , achei que fosse provocação barata, mas ouvi toda a história do umbralino (parecia um palhaço querendo chorar e rir ao mesmo tempo com um certo apego – para o bem ou mal ante mim- mas que queria me dizer algo). Cheguei a conclusão que os pensamentos deles eram legítimos, pela aparência ele devia ser da mesma época do meu avô. Achei tão estranho isso tudo… Toda vez que vou visitar meu avô no túmulo me dá uma sensação esquisita, como se eu tivesse ocupando dois lugares no espaço, uma sensação estranha como se fosse eu lá.

      Que coisa sr.Pineda, isso é tão bizaro…

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Tom

        Sim, é perfeitamente possível, pois geralmente as pessoas procuram reencarnar novamente junto a seus afetos

        Minha mãe, por exemplo, desencarnou em 1966 e pelo que eu sei, era para ela ter voltado como minha filha. Entretanto, houve desvios, na minha programação existencial e ela reencarnou há alguns anos, em outro lugar

        • Tom disse:

          Isso me faz perguntar qual o sentido disso tudo. Nem vejo um parente desencarnado como um parente. Vejo todos nós a procura de uma Grande Descoberta. Qual é essa GRANDE DESCOBERTA? Algo além de umbral,astral,mental… Sinto com absoluta certeza que existe algo muito além disso que não conseguimos enxergar nem projetados, nem desencarnaddos… Algo que explique nossas existências. Seria uma total perda de tempo reencarnar só porque queria me reaproximar de entes queridos.

          Certa vez vi deslumbrei um umbralino no cemitério meio que comendo, absorvendo energias de um caixão, olhei pra ele e ele levou um tremendo susto. Perguntei por pensamento, qual o sentido disso tudo? Percebi ele se deslocando numa velocidade surreal após ver que e eu o percebia. Captei meio que foi o medo da pergunta. Qual é o sentido disso tudo Pineda. Essa ”guerra” de umbralinos e os resgates pelas colonias precárias parecem ser as coisas mais divertidas para passar o tempo no infinito. Deve ter algo além disso. Mesmo que possamos perceber tudo e a todos no mental, não deixamos de estar conectados. Qual o sentido dessa CONEXÃO??

          • Roberto Pineda disse:

            Olá Tom

            A “grande descoberta” eu entendo que seja, abarcar o todo e constatar que todos nós, somos a própria consciência universal

            Isso, para mim, dá sentido a todas as coisas

    15. Leandro disse:

      Olá senhor Pineda,eu estava lendo seus relatos antigos e adorei aquele relato chamado “Gafes no astral” e gostaria de saber se o senhor poderia postar gafes recentes kkk

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Leandro

        Geralmente estas “gafes” acontecem devido nossa falta de entendimento da situação

        Depois, com a continuidades das experiências, passamos a ser mais experientes e deixamos de tê-las

        Entretanto, diante de uma situação nova, sempre podem ocorrer…

    16. Alexandrei disse:

      Bom dia Roberto,tudo bem ?
      Voce ja observou “quebrante“ em criancas enquanto projetado ?
      E rezas para tirar esse “quebrante“ ?
      Caso positivo, como foi essa experiencia ?
      Obrigado e forte abraco !

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Alexandre

        O que as pessoas chamam de “quebrante” pode ser entendido como crendices em “olho gordo”, “inveja”, “ciumeira”, etc

        Penso que este tipo de coisa só funciona se a pessoa se deixar influenciar, passando a acreditar nisso

        Caso perceba alguma coisa nesse sentido, procure sutilizar as vibrações

    17. Heloisa neves disse:

      Olá Roberto, há algum tempo estou me interessando sobre os seus relatos,e com o principal objetivo dê me entender como pessoa, porém encontro empecilhos quase sempre. Bom, a minha existência até agora, foi regada por histórias tristes e sádicas, sou orfã, fui criada pela minha tia, e passei a minha infância em completa solidão, minha tia, não tinha tempo para mim e trabalhava muito, tenho orgulho dela, mas não me enfraqueci diante disso, cresci em uma continua frieza, deixando de lado emoções e sentimentos pelas pessoas, mas nunca deixei que isso me atrapalhasse, e sempre corri atras do meu objetivo de me formar em medicina, pois bem, essa é a minha história resumida, e com isso, irei te explicar o porque de estar recorrendo a sua ajuda, eu sou médium, e desde criança tenho sonhos horrivéis com uma enorme raposa de olhos vermelhos, e os sonhos eram bastantes lúcidos, acontecia todo ano, com uma frequencia de uma vez por ano, e no dia seguinte, acordava toda esgotada, com um arduo cansaço, nos sonhos eu era uma raposa enorme, mas não tinha controle sobre ela, algo a controlava, e eu tentava resistir a dores intensas, essa raposa causava desastres a tudo que estava em sua frente, e umas pessoas na qual eu não enchergava falava que a raposa era um monstro que não sentia emoções e atacavam a raposa e eu sentia as dores dessa raposa, eu achava que eu estava possuida, e eu tentava conter os movimentos dessa raposa, mas ela tomava o controle novamente, causando intensos desastres naturais, ultimamente, esses sonhos tem se tornado mais frequente, onde eu me via em um lugar escuro com enormes portões e essa raposa presa, acorrentada, com enormes olhos vermelhos com uma energia vermelha, ela esta muito grande em relação aos anos anteriores, semelhante a grandes prédios de SP, mas já não tenho medo, pois sei como controlar, acontece também quando eu desmaio, essa raposa me agarra e me aperta e eu acordo com uma adrenalina. roberto, o que é essa entidade? Será que faz parte de mim, por eu ser totalmente fria e sádica? ou seria por que eu morei em uma casa visitada por entidades, “assombrada” e essas entidades tinham medo de mim, eu consigo sentir o sentimento das pessoas, e coisas da sua vida pelo olhar, eu aparento ser uma pessoa estranha, mas só quero somente me livrar desse intenso sofrimento,porém não deixo que isso me afetar em nada, consigo controlar, acredito que seja parte de mim.

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Heloisa

        Nossa consciência pode vivenciar e perceber coisas no astral, bem como, acessar as memórias de coisas antigas

        Ao despertar, o cérebro físico pode misturar tudo

        Por outro lado, pode ser alguma entidade que esteja assediando você, devido suas vibrações

        Sugiro que você procure sutilizar suas vibrações, pois isso ajuda sua lucidez, fazendo-a perceber e entender melhor o que ocorre com você

        Além do que, se for uma entidade assediadora, ela se afastará naturalmente, pois geralmente umbralinos e vampirizadores não se sentem bem quando se aproximam de uma pessoa com boas vibrações e se afastam

        Para sutilizar suas vibrações, procure desenvolver e manter uma constante (padrão vibratório) de bons pensamentos, sentimentos, atos, palavras e sintonias

    18. Daniel disse:

      E aí, Seu Pineda!

      Percebo que você não relata muitas viagens espaciais, não sei o porquê, talvez pelo fato de você nem saber em que planeta, ou galáxia está, ou por não ver graça mesmo.

      Eu gosto muito de seus artigos que falam de outros planetas.

      Foi criado um programa recentemente que simula parte do Universo. Veja se pode lhe ajudar em algo:

      http://en.spaceengine.org/

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Daniel

        Há infinitas coisas, lugares e situações no astral

        Não dá para descrever tudo o que eu vejo e percebo, pois não há parâmetros no físico

    19. João Queiroz disse:

      Roberto, no astral é tudo por pensamentos e sentimentos, certo? por exemplo, se eu estou projetado dentro de casa, e querer ir para um lugar bem distante, é só eu pensar e entrar em sintonia com o lugar, que eu irei me manifestar lá? e Roberto, imaginar-se projetado, andando pelos cômodos da casa, enquanto estiver tentando dormir, ajuda em alguma forma a se projetar? Obrigado pelos relatos, Abraços!

      • Roberto Pineda disse:

        Olá João

        Sim, geralmente entramos em sintonia com determinado lugar e nos manifestamos lá

        Sim, pensar em estar projetado dentro da própria casa, pode ajudar no processo

    20. Tiago160 disse:

      Senhor Roberto tenho duas perguntas. Primeira: porque ao práticar técnicas os sonhos ficam mais vivos? Pois comecei a praticar algumas técnicas e percebi que estou tendo vários sonhos e consigo me lembrar de todos, algo impossível quando eu não praticava as técnicas para me projetar. Segunda pergunta: nas saídas do corpo é possível encontrar com essas entidades perigosas chamadas de magos negros?

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Tiago

        Isso acontece porque você começa a romper barreiras e transcender condicionamentos e limitações

        Não se preocupe com entidades umbralinas. Você só as encontra se entrar em sintonia com elas

        Procure manter suas vibrações elevadas e ninguém vai te incomodar no astral

        • Tiago160 disse:

          Obrigado por responder senhor pineda! Tenho só mais uma dúvida: Li um relato sobre uma garota inglesa de 14 anos que se suicidou ao sofrer bulling. Ou seja, o senhor faz idéia do que pode acontecer com uma pessoa dessa idade que tira a própria vida? pra onde ela irá ao desencarnar dessa forma? Umbral? Vale dos suicidas? Obg senhor pineda!

    21. Roberto Pineda pq eu não consigo mais passa do estado vibracional ?

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Lucas

        Provavelmente você está tendo dificuldades devido aos condicionamentos

        Quando ocorrer o EV, procure relaxar e apenas se deixe levar…

    22. Lucas disse:

      Boa Tarde Roberto,

      Qual a influência da música em nossas energias e na projeção astral?
      Alias, qual seu gosto musical?

      Abraços

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Lucas

        Geralmente a música causa enlevo, desperta emoções

        Música pode contribuir para a projeção ou não

        Gosto de todo tipo de música, as vezes, eu não gosto das estridentes

    23. João Queiroz disse:

      Ao praticar as técnicas, procurando se questionar para despertar no astral, rompe barreiras, e condicionamentos. ao fazer isso, consigo ver os resultados, e ainda sutilizando as vibrações, é bem eficiente, mas diante disso roberto, qual seria o próximo passo para ficar mais natural a saída do corpo? e também o próximo passo para transcender as barreiras e os condicionamentos?

      • Roberto Pineda disse:

        Olá João

        Com a continuidade das experiências, a percepção do astral se torna cada vez mais frequentes e naturais

        É apenas um processo de expansão da consciência

    24. Heloisa neves disse:

      Roberto, tentei melhorar as vibrações e manter, emanando uma constante de padrões vibratórios ,porém essas visões, sonhos, e ocorrências com a tal entidade ainda persiste, seria um monstro ou uma entidade criada pela minha consciência? Ficando presente no meu subconsciente? Talvez isso explique o porque dessas vivências acontecerem desde pequena? E quase sempre nos momentos em que eu mais precisei de força.. fui pesquisar no google algo semelhante e apareceu algo relacionado ao japão.. ainda irei descobrir, porém é muito assustador, as pessoas a minha volta tem medo de entidades, espiritos, vampirizadores, umbralinos, e eu não tenho medo nenhum, quando os vejo, eles fogem de mim, como se tivessem medo da minha presença, é estranho, e uma vez em uma projeção, escutei pessoas cochichando algo relacionado a um selo, um selamento, e nisso reparei que havia marcas vermelhas em meu braço, imediatamente fui parar em um lugar escuro, como se fosse um universo, só que sem estrelas, e planetas, e nisso apareceu a raposa, dizendo em uma voz assustadora, quebre o selo, que eu não serei mais parte de você, e fui puxada para o físico, estou anciosa, querendo saber o que fazer, afim de explicar esses fatos. Beijos.

      Heloisa.

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Heloisa

        Fique tranquila, pois não existem monstros no astral, mas apenas pessoas com a aparência plasmada

        Se você ver algum, faça de conta que é apenas uma festa de Hallowen e que por detrás daquela máscara é apenas uma criança ingênua e brincalhona

        Se você ver a raposa novamente, procure conversar com ela, pois pode ser apenas alguma entidade assediadora querendo perturbar

    25. Rodrigo disse:

      Seu Roberto, o senhor acha que nós seres humanos sempre existimos , de uma forma ou outra , e é por isso que nunca morreremos ?

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Rodrigo

        Quem existe é nossa consciência, o corpo físico é apenas um instrumento de manifestação

        O corpo físico pode morrer, que não afeta em nada nossa consciência

    26. Leandro disse:

      Olá senhor Pineda, como o senhor prolonga as suas projeções ?

    27. Antonio Lopes disse:

      Boa tarde!
      Eu tenho tentado a projeção, mas ainda não consegui ir mais além que alguns sintomas do EV…
      No entanto, as tentativas têm-me feito sonhar mais.
      Recentemente, eu estava num sonho e algo estranho e irreal aconteceu chamando a minha atenção, então eu imaginei que pudesse não estar no físico…
      Para testar se estaria fora do corpo físico, concentrei-me e tentei voar um pouco … E consegui!

      No entanto, ao acordar, fiquei com dúvida se teria realmente conseguido uma experiência fora do corpo, ou se não teria passado de um sonho …
      Como posso diferenciar estas situações?
      Obrigado!

    28. Mariana Silva disse:

      Tive uma experiência no mínimo intrigante! Era madrugada, e pensei em me projetar, dormi rapidamente, e acabei despertando no astral, estava em minha casa, e pensei em sair da casa, atravessei levemente a porta, e fui no quintal, era noite, mas estava bem claro e nítido, mas ainda sim, dava para perceber que era noite, eu tentei plasmar coisas, só por brincadeira, e consegui plasmar uma enorme bola de energia branca, gerando um grande revérbero, uma grande luminosidade, iluminando todo o quintal, feliz com aquilo, tentei voar e consegui, fui e fiquei flutuando no alto, conseguindo ter uma ampla visão da minha casa, e da casa dos vizinhos, e aconteceu uma coisa de imediato, o cachorro da vizinha, um pastor, começou a latir, fixando o olhar em mim, parece que notou a minha presença. Logo depois, emocionada de ter conseguido realizar alguma experiência, acabei voltando para o físico de forma involuntária, que pena, queria fazer outras coisas, mas o bom é que eu consegui realiza-la, e consegui comprovar no físico, a minha mãe que estava acordada, disse que ela estava tranquila lendo um livro em seu quarto, quando de repente, visualizou uma grande luz na janela, iluminando o quarto dela por completo, e escutando os cães latirem, ela, assustada com aquilo, foi verificar o que era, pois era uma coisa bem anormal, e por minha surpresa, era eu, que estava no quintal bem de frente para a sua janela, muito bom.

    29. Daniel disse:

      Seu Pineda,

      O Sr, enquanto Átila era encarnado, tentou enviar comandos ou mensagens para seu ele para facilitar a sua obediência no físico?

    30. Edgar disse:

      Mestre Pineda, tenho uma habilidade interessante a de provocar arrepios em todo o meu corpo pela minha livre vontade e desejo, uma sensação de frio surge da minha nuca e circula pelo meu corpo causando arrepios, erguendo os fios de cabelo de toda a minha pele, pesquisando sobre isso, encontrei em um site sobre projeção astral que isso se trata de minis EV’s, testando esta habilidade com a conciencia expandida durante a madrugada consegui dar alguns choques na minha companheira quando esta estava deitada e dormindo sobre meu peito, sempre quando eu soltava estes EV’s ela dava um espasmo imediatamente apos, despertei ela apos o terceiro teste que fiz e a mesma me relatou apos despertar que sentia todo o corpo dela tremer, pois bem o senhor confirma isso que esta habilidade são mesmo pequenos EV’s? ou uma descarga eletrica? porque após a quarta ou quinta vez seguida não consigo mais fazer isso, tenho que esperar recarregar.

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Edgar

        Não sou mestre, não. Mestre é apenas um limitador, que nos limita à aquilo que ele sabe. Podemos saber muito mais que o suposto mestre

        Tudo o que existe vibra. E vibrações são energias, fundamentada nos pensamentos e sentimentos

        Naturalmente você se desgasta e por isso tem que “recarregar”

    31. Laila disse:

      Olá,venho a aproximadamente 3 anos tentando entender o que acontece comigo,irei relata uma primeira experiência…
      Certo dia estava em casa no meu quarto,sozinha,sempre trancava minha porta (a do quarto) estava na internet,quando de repente me bateu um sono diferente,era aproximadamente umas 5:30 da tarde,eu havia dormido bem e o sono veio do nada,coloquei uma musica,me deitei na posição que sempre durmo (de bruços)e ai então me senti muito relaxada,respirei 3 vezes profundamente,na terceira vez senti um impulso,como se meu corpo físico repelisse algo (talvez meu corpo astral),a partir desse momento comecei a perambular naquele espaço era tudo muito novo,tentava me equilibrar no ar,dançava naquele espaço,e ria daquilo tudo apesar do medo,a musica continuava a tocar,o clima era o mesmo da hora que me deitei,o dia estava quase indo embora,de repente fui no rumo da porta (estava trancada) atravessei ela,olhei em volta e ali estava os corredores da minha casa,tudo conforme estava,nessa hora me vi com medo,voltei para o quarto,fui em direção do computador e tentei abaixar o som,sem sucesso algum,olhava para cama e via meu corpo físico ali,perfeitamente,repousando,neste momento me aproximei ao corpo físico e de repente acordei assustada,a musica que tentei abaixar o volume era a mesma que tocava quando eu acordei…

      O que sera que houve comigo?

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Laila

        Pelo que descreve, você saiu do corpo e perambulou pela sua casa

        No astral, nossos sentidos e percepção ficam muito aguçados e podemos ouvir, sentir e perceber muitas coisas do físico

    32. Tom disse:

      É muito raro, mas eu consegui sair bem são hoje no astral. Eu adquiri percepção num hotel com piscina bem grande e funda que eu costumo frequentar.

      Mesmo sabendo que estava no astral e podia fazer outras coisas eu queria mesmo era entrar na piscina.O interessante fui que eu precisei pegar fôlego(!!!!) e ainda por cima o cloro machucava meu olho (!!), eu não consegui plasmar um óculos que eu costumo usar na água, acho que por medo de assustar 2 funcionários locais que eu conheço no físico ( como o senhor disse, eles provavelmente estavam dando continuidade ao trabalho em horário de sono). Era de noite mas estava tudo claro.

      Apesar dessas limitações todas, eu resolvi pedir pra um funcionário me trazer uma caipirinha,na hora de pegar eu consegui me deslocar iguais esses vampiros de filmes hahaha é muito bom isso, que sensação boa.

      Aí quando eu peguei o copo, eu automaticamente transformei a caipirinha que era de limão em maracujá.

      Eu queria fazer uma pergunta:

      Porque os funcionários não se assustaram com a minha velocidade e nem na transmutação do copo na frente deles? Eu quero dizer, porque quando estamos conscientes da situação ficamos com mais medo e achamos tudo impossível, mas quando inconsciente, que nem o caso dos funcionários, a consciência aceita com mais naturalidade?

      E porque o ”álcool” me causou efeito no astral se ele nem existia?

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Tom

        As consciências estão habituadas ao ambiente astral

        Por isso, elas apenas ignoram aquilo que lhes poderiam causar estranheza em relação ao físico

        O efeito do álcool existe porque você esperava que isso acontecesse. É algo como um “efeito placebo”

    33. Antonio Lopes disse:

      Queria agradecer-lhe toda a disponibilidade em ajudar.

      Com o aumento destas experiencias, em que desperto já no astral, conseguirei ter mais facilidade em conseguir sair do corpo consciente?
      É que através do EV ainda não consegui ir muito longe …
      Cumprimentos

    34. JOSE SCHIAPPACASSA disse:

      Olá Roberto, como encontro sua resposta ao meu e-mail ?

      Obrigado.

    35. Rodrigo disse:

      Roberto as pessoas falam, assim como senhor, que quando no astral de um modo geral sempre o ambiente ta claro, o que eu traduziria por dia, tem como fazer ficar noite em uma projeção, ou seria possivel sair do corpo ou pegar consciencia no astral tando escuro como se fosse noite !

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Rodrigo

        No astral enxergamos com a consciência, ou seja, com a percepção da consciência, sem necessidade de luz

        Por isso, enxergamos nitidamente, como se fosse dia, mesmo estando em lugares escuros e ou a noite

        Entretanto, se quiser, você pode perceber que é noite

    36. Alexandrei disse:

      Bom dia Roberto,tudo bem ?
      Hoje tenho a seguinte duvida,hehehehe
      Quando um medium `incorpora` uma entidade,e tomando bebida alcoolica descomunal (pensa num cachaceiro….), demonstra claramente sinal de embriaguez (odor forte,olhos vermelhos,chegando a babar,etc).
      Apos as consulta mediunica, o `guia` desencorpora e o medium tem a sobriedade no mesmo instante, sem resquicio nenhum da embriaguez, sem lembranca nenhuma.
      O que acontece no plano astral neste caso?
      Por que a embriaguez some ?
      Ele nao lembra pq a consciencia propria nao deixa ou o suposto `guia` ?
      Obrigado e forte abraco !

    37. Roberto Pineda você poderia mir dizer quando você era criança você começou a fazer viagem astral você fez oq para isso acontece explica oq vc fazia para ter a projeção ou você adquiriu isso em suas Reencarnações?

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Lucas

        Quando eu era menino, apenas adquiria consciência já estando lá

        Penso que a vontade é um fator muito importante para conseguirmos as projeções

        Continue tentando com vontade firme que você consegue, pois projeção é algo natural para nossa consciência

        O que impede, geralmente são os condicionamentos

    38. Edgar disse:

      Senhor Pineda tenho algumas dúvidas será que podemos coversar?

      sonho x imaginação x projeção astral

      Quando estou acordado (desperto fisicamente) tenho um poder de criação mental chamado imaginação, consigo criar tudo que eu quiser ao imaginar este tudo (exemplo: estou me vendo agora caminhando lá em marte) e este poder de imaginação é algo interno, estritamente mental e extritamente limitado ao meu corpo fisico, agora quando estou em estado de sono, repouso, deitado este poder vem a tona de uma forma agora involuntaria e muito mais vivido dirigido pelo meu subconciente aonde tudo que eu vejo, toco e sinto são meras ilusões criadas pelo mesmo poder de imaginação da mente humana só que agora durante o sono, este poder chamamos de sonhos, criações oniricas que quando criadas em estado fronteiriço entre o sono REM e o despertar provoca a experiencia da conciencia dos sonhos ou projeção astral e é justamente por causa disso que não encontramos relatos cientificamente comprovados de pessoas que dizem sair do corpo fisico em projeção astral. comprovando assim a realidade da experiencia quando retornam ao corpo, só encontramos tais relatos em pessoas que usam o mesmo poder de imaginação para criar historias de projeção astral que ultimamente tem dado bastante ibope em sites na net e nas redes sociais.

      Minha opinião sobre projeção astral
      imaginação sonho

      são as mesmas coisas porem em estado de sono (frequencia celebral) diferentes

      E o senhor o que acha?

      • Edgar disse:

        Porem ou aceitamos que os sonhos estas criações oniricas já são projeção de forma inconciente ou então aceitamos que somos seres emocionalmente perfeitos e completos porque caso contrario não despertariamos apos um belo sonho trazendo deste grande e fortes sentimentos e emoções, na nossa atual conjectura humana, nossa realidade necessitamos de agentes externos a nós para despertar dentro de nós sentimentos e emoções, ou seja um exemplo, precisamos estar namorando com alguem para sentirmos a emoção do amor e da paixão, precisamos de um agente externo ao corpo fisico para despertar isso dentro da gente, porem já são inumeros os sonhos que tenho aonde me encontro namorando, de mãos dadas ou beijando uma pessoa e quando desperto me vejo cheio de sentimentos e emoções geradas por aquela relação emotiva a qual eu me encontrava dentro dos sonhos, diante deste argumento devemos acreditar que todo sonho é uma projeção astral.

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Edgar

        Desencana disso

        Não dá para confundir projeção com sonhos

        Projeção é uma vivência em tempo real

        Qualquer projetor, aos poucos, consegue comprovar depois no físico, coisas, lugares, situações e acontecimentos que o cérebro físico não tinha como saber


    Chicotadas

                 Ontem à noite (17/07/2018) ...

    Um paraíso se desva

          Esta noite (25/05/2018) fui atraído pelas vibrações ...

    Um capeta e depois o

          Esta noite (20/04/2018) eu estava projetado quando ...

    Vai demorar ???

          Esta noite (11/04/2018) eu estava no astral ...

    Escuridão total

         Esta noite (25/03/2018) eu estava projetado numa avenida, ...