"O QUE É PROJEÇÃO ASTRAL?
Todas as noites, nossa consciência deixa de se manifestar no corpo físico e passa a se manifestar livremente num universo infinito de coisas fantásticas e maravilhosas... Habituada a esta situação, nossa consciência anseia por se libertar desligando-se instantaneamente de um cérebro físico preso a crendices, medos, condicionamentos e limitações Entretanto, quando a pessoa começa a se libertar de suas "barreiras" e a transcender a si mesma, também começa a ocorrer um fenômeno conhecido por diversos nomes: projeção astral, projeção da mente, desdobramento espiritual, projeção da consciência, sair consciente do corpo físico, experiência fora do corpo (EFC), viagem astral, etc. Porém, para mim, que vivencio este fenômeno todas as noites, passei a considerá-lo como um estado de "CONSCIÊNCIA EXPANDIDA", através do qual, posso pesquisar, investigar, analisar, realizar experiências, etc..."

No mundo microscópio da concepção

Como descrever algo que não há parâmetros no mundo físico???
 
Por isso, vou tentar descrever usando termos, expressando palavras que possam dar uma tosca e aproximada idéia do que vi, senti e percebi, durante minha experiência desta noite (03/07/2012)
 
Anteriormente já havia tido uma experiência de “mergulho” no mundo microscópio, conforme tentei descrever na experiência denominada “Você me leva para passear em Júpiter??? ” que poderá ser lida no link abaixo:
 
 
 
Naquela ocasião, vi o mundo microscópio com a ajuda de um homem de aspecto oriental
 
Pois bem, desta vez, estando projetado, me concentrei em “mergulhar” no mundo microscópio
 
Quando estamos projetados, afloram sobremaneira nossos sentimentos e passamos a “agir com o coração” diante das situações que passamos a perceber e vivenciar
 
Encontrei consciências numa verdadeira batalha durante o processo reencarnatório no plano físico
 
Devido provavelmente aos meus condicionamentos no físico, passei a enxergá-las como se tivessem a forma de pessoas
 
Podia sentir os pensamentos e sentimentos deles e por isso, passei a senti-los como amigos
 
É de certa forma natural este processo de amizade, pois as vezes, no astral, temos a nítida impressão de conhecer a todos que encontramos, como se fossem velhos amigos
 
Por isso, instintivamente passei a ajudá-los, incentivando-os, transmitindo-lhes animo, força e coragem durante o processo reencarnatório
 
Me manifestava como consciência, sentia como que envolvido num mundo que me parecia compacto de energias e formas, as vezes coloridas, esbranquiçadas, esverdeadas, etc.
 
Podia sentir as varias consciências (eu as via como pessoas) como se estivessem próximas, apesar de que provavelmente muitos quilômetros as separassem no físico
 
Eram atacados por mecanismos agressores, como se fossem fantasmas de energias, que projetavam energias sobre eles, como se os quisessem destruir e impedir o processo
 
Compreendi que naquele mundo microscópio e maravilhoso, pouco importava quem era a mulher que estava recebendo a concepção, pouco importava sua cor, raça, estado civil, religião, caráter, região ou país em que vivia. Nada disso importava
 
Importava apenas que cada consciência iria se manifestar em ambiente físico adequado as suas respectivas necessidades, desejos, vontades, sintonias e oportunidades
 
Na medida em que cada consciência encontrava o seu próprio “receptáculo” correspondente, era imediatamente envolvida por ele que emanava do seu interior uma luz azulada, protegendo, a partir daí, aquela consciência dos ataques destruidores do processo, adquirindo uma forma de ovóide reluzente
 
Daqui uns nove meses, provavelmente nascerão os tais bebezinhos
 

Artigos Relacionados

  • » Observando o céu
  • » Observando alienígena
  • » Marido preso
  • » Mudança rápida de ambiente
  • » Em um corpo tatuado
  • » Torrões de solo
  • » Percebendo o envio de mensagem pelo celular
  • » Duas mulheres em outro planeta
  • » Depois da morte
  • » Pessoas em desespero
  • 31 Comentarios Até agora

    1. pensa num nome disse:

      Eram umbralinos esses fantasmas de energia ou reação de equilibrio do universo?

      • Roberto Pineda disse:

        Olá (não sei seu nome???)

        A impressão que eu tive é que eram forças contrárias. Talvez fossem mecanismos de defesa do organismo de cada mulher e ou vibrações/pensamentos negativos em relação à concepção em si

    2. Izabella disse:

      Olá, Roberto.
      Estive aqui, “matutando”, por estes dias… se somos emanações do Todo que adquiriram consciência e estão em caminho de despertamento, por que sempre ouço que o individualismo, egoísmo e manifestações egóicas devem ser destruídos? A nossa individualidade é ou não é preciosa afinal? Nos “desprendemos” do Todo para, ao final, regressarmos a Ele? Não faz sentido para mim!
      Um grande abraço!
      P.S.: Sonhei que voava, que gritava “sou livre, sou livre”, que pousei em uma fonte, pus a mão na água, era fria, e os passarinhos corriam para às minhas mãos e eu disse “oi, gente”. Minha mão, assustadora, parecia um lençol. Ultimamente sempre sinto que estou caindo na cama, levo solavancos. Mas EV nunca mais tive.

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Izabella

        Para entender a questão, imagine que uma menina ganhe uma cesta enorme, cheia de doces… Em seguida ela sai de perto do amiguinho que sempre esteve ao lado dela, e, para não dividir os doces com ele, vai sentar perto de outro menino que também ganhou um cesto enorme de doces, pois com este outro menino não precisará dividir nada…
        Isso é egoísmo! É a parte do individualismo ainda sem consciência…

        Por outro lado, na medida em que uma consciência avança em percepção e entendimento, passa a compreender que agressor e agredido são a mesma pessoa, ou seja, ela própria

        Perceber e entender o semelhante e a realidade, é despertar amor e felicidade em si própria, é encontrar o céu… Numa outra pessoa (amor pessoal/identificação), depois num grupo de pessoas e finalmente no todo

        Quanto a individualização, procure entender que cada individualidade se torna um universo único, uma preciosidade infinitamente rica em vivencias e amor imenso

        Quanto a “desprender” e “voltar” ao todo, é uma interpretação equivocada, pois o todo somos nós mesmos

        Ou seja, nós nunca fomos criados, nós sempre existimos… Apenas não tínhamos consciência da nossa individualidade e união

        ____________________________

        Solavancos e sensação de cair, indicam que você está começando a sentir o astral…

    3. Izabella disse:

      Espero poder me melhorar pra sair, um dia, consciente, sem me assustar muito com o que vejo à minha volta. Entendo ser o mundo das formas ilusório e, ao mesmo tempo, tentador. Uma droga que nos mantém alienados e ignorantes (maus), vivendo em um automatismo que me parece difícil de nos livrar. A consciência destas coisas ainda não me faz mais feliz e em paz comigo. Talvez ver por mim mesma me dê a paz que tanto tenho procurado.

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Izabella

        Temos que encontrar a paz em nós mesmos, sem dependermos de nada que seja externo a nós

        O externo a nós, só é bom quando entramos em sintonia de sentimentos

    4. Breno Rodrigues disse:

      Oi Roberto. É preciso alguma tecnica para se projetar? Sempre ouço pessoas dizendo que é dificil sair sem tecnicas… mas todas as noites saimos do corpo!?

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Breno

        Todo as pessoas se manifestam fora dos seus respectivos corpos físicos, todas as noites

        Porém, a percepção com o cérebro físico é “bloqueada” para não atrapalhar a desenvoltura da consciência no astral

        Por exemplo, o cérebro físico percebe a manifestação no astral e se enche de medo, sem entender o que acontece…Isso certamente atrapalha a consciência que está habituada com tudo aquilo… Entendeu???

        Sugiro que você dê uma lida no meu site no link abaixo:

        http://projecaoastral.com/tecnicas/

    5. Diego Afonso disse:

      Caro amigo, eu só consigo pensar em um jeito de descrever tudo que senti lendo vários de seus relatos. ” É como se de alguma forma eu ja sabia ou sentia tudo isso”. E Dessa mesma maneira, duvidas surgem e ao mesmo tempo minha consciencia toma o controle e elas desaparecem, é uma estranha certeza sabe e, nessa onda de percepções sinto como se para mim fosse facil me projetar, naturalmente, mesmo nunca tendo feito isso. O engraçado é que passo por um momento em minha vida onde preciso muito de uma ajuda, tenho muitas duvidas e perguntas, e lendo tudo isso, foi como se me fosse apenas confirmado algo que ja sabia,, algo não, muitas coisas. Só tenho uma pergunta, não pesquisei todo o conteúdo do site e queria saber o que são os umbralinos? Obrigado caro amigo, de coração. ‘amai-vos uns aos outros como se fosse a si mesmo’. (eu sempre soube).

    6. Mark zuckerberg disse:

      É real a possibilidade de várias pessoas se unirem no físico para arquitetar e construir centros de inteligência no astral , e ao mesmo tempo induzir ondas no cérebro dos agentes de modo que se crie uma biblioteca virtual, digo astral? Com autos de tudo que acontece nos outros países?

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Mark
        Não vejo porque criar uma nova biblioteca no astral com tudo o que acontece nos outros países, pois isso já existe no astral
        Tudo o que aconteceu, está lá, registrado para sempre
        Basta apenas as pessoas aprenderem como acessar estas informações

        • Breno disse:

          Oi Roberto.So por curiosidade…Voce ja fez algum amparo fora do corpo? Outra pergunta:voce ja entrou nas piramides do egito quando projetado?

          • Roberto Pineda disse:

            Olá Breno

            Sim, muitas vezes, se você se refere a “amparo” como sendo ajudar as pessoas estando fora do corpo

            Já estive projetado ao lado de uma piramide, porém, comecei a perceber o passado e tive que sair de lá, pois me senti mal ao ver o orgulho e a raiva com que açoitava um carregador

    7. LEANDRO disse:

      Roberto sua percepção é semelhante a de Juddu Krisnamurt.

    8. WELLINGTON disse:

      Boa Noite Roberto;

      Eu sei que é chato responder e tentar explicar muitas vezes a mesma coisa mas tenho uma duvida.
      Como somos todos UM e ao mesmo tempo somos e estamos individualizados? Quando desencarnamos não continuamos com nossa individualidade (falando que cada um tem seus próprios pensamentos, sentimentos e atos) ??? como fazemos parte de UM TODO ?? Como pode eu ser você e você ser eu e nos todos sermos a mesma pessoa?? tem como explicar melhor???

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Wellington

        Vou tentar mostrar um exemplo bem simples:

        A pessoa sai da Lapa (bairro de SP), dirigindo o carro e vai para a Penha distraída com seus pensamentos e ou conversando com alguém ao seu lado

        Ao chegar na Penha, a pessoa cai em si e fica assustada, pois não se lembra de como chegou ali

        Como ela passou nos semáforos???

        Como ela dirigiu no transito,desviou dos outros carros,virou as esquinas???

        A pessoa se lembra do que pensou/conversou,mas não se lembra de como chegou ali

        Ela dirigiu o carro numa espécie de automatismo

        Eu, assim como muitos motoristas também já passaram por isso…

        Não foram duas consciências que conversaram e dirigiram o carro, mas sim, apenas uma fazendo as duas coisas ao mesmo tempo

        Quando eu faço experiências de “Consciência Expandida” posso sentir e perceber todas as coisas, todas as pessoas ao mesmo tempo

        Quando me manifesto no astral, posso sentir e perceber os pensamentos e sentimentos de uma pessoa

        As vezes, sem querer, me manifesto no corpo de outra pessoa

        Como eu faço tais experiências, torna-se mais fácil, para mim, entender que todos nós somos o todo, somos em essência manifestações da mesma consciência

        Quando cada pessoa se conscientizar disso, saberá que agressor e agredido é ela própria

        Por isso, a humanidade como um todo, aos poucos, será melhorada

      • Luciane Oliveira disse:

        Saudações Wellington e Roberto.

        Vou deixar aqui minha contribuição para o nosso amigo Wellington.

        Quando você imaginar “nós”, não imagine como sendo a matéria ou o corpo, imagine sempre como frequências de luzes ou frequências energéticas, que é o que somos, somos átomos de luz cósmica e Crística. Nosso corpo físico é apenas a forma como nossos olhos e cérebro decodifica e entende essa luz ou energia condensada, na verdade somos consciências, ainda nos vemos dessa forma apenas como meros corpos, pois fomos e somos condicionados por nossa sociedade a pensar dessa forma, somos divinos, somos co-criadores de nossas vidas e do planeta onde vivemos. Imagine que cada um de nós é como uma nota musical, uma frequência de som que nada mais é que a sua própria essência, como a nota do perfume de uma flor, a sua manifestação individualizada, e que juntos todos nós compomos uma grande sinfonia, uma grande orquestra, uma grande melodia. Somos todos um porque viemos da mesma fonte de energia, a Fonte Crística inesgotável e infinita de energia, mas nosso pai é tão amoroso, tão criativo e tão perfeito que permitiu a individualidade a cada um dando o direito ou livre arbítrio de escolhermos nosso próprios caminhos, de escolhermos nossas experiências para que crescêssemos, evoluíssemos, ao ponto de nos fundirmos novamente a ele. Por isso somos a mesma pessoa, pois quando se olha para todas as coisas estamos vendo a manifestação da Fonte de Energia Inesgotável e Infinita, em todas as suas formas nos animais, nas plantas, nos seres humanos, nos insetos, na água, no ar que respiramos, nos micro-organismos, tudo é Deus.

        Espero ter ajudado em alguma coisa.

        Abraços

        • Roberto Pineda disse:

          Olá Luciane

          Eu entendo que somos consciências livres e independentes

          E mantemos nossa individualidade mesmo com a percepção e consciência de tudo e de todos

          Procure entender que as religiões apregoam “chefes” e “mestres”, porém, se assim o fosse, seríamos eternos escravos de seres superiores

          Não há discórdias onde prevalece a percepção e o entendimento

          • Luciane Oliveira disse:

            Saudações Roberto.

            Sim concordo com você, só não entendi seu comentário relacionado com questões a “chefes” ou “mestres”, pois eu não os citei, rsrs. Vou colocar minha opinião à respeito naquele tópico que fala sobre “Mestres”.
            Sei que há um mestre dentro de cada um de nós, e que nosso trabalho seja aqui ou em qualquer lugar é tomar consciência desse mestre, nossos Eus Superiores, nossos núcleos de consciência do que de verdade somos, que são infinitos.
            Na medida que avançamos em percepção e entendimento sobre nós mesmos, avançamos em nossos núcleos de consciência sobre o que somos e também vamos sendo guiados por outro Eu Superior ou Núcleo de Consciência ou Dimensão do nosso Ser.
            Entendo que antes mesmo de sermos consciências somos energia, e viemos da mesma fonte e por isso somos todos um.

            Grande Abraço.

            • Roberto Pineda disse:

              Olá Luciane

              Ficou subentendido quando você citou:
              “…luz cósmica e Crística…”
              “…Fonte Crística inesgotável…”
              Pois tais frases refletem condicionamentos religiosos de submissão e subserviência a “chefes” e “mestres” e se isso fosse real, tiraria completamente nossa liberdade de ser e agir

    9. gabriel g disse:

      essa noite tive um sonho. estava vagando ao redor de um lugar escuro cheio de nebulosas de diversas cores. quando de repente aparecem 3 cartilhas. A primeira escrita sonhos bons e felizes, a segunda escrita sonhos tristes e depressivos, e a terceira escrita pesadelos horrendos, de repende tento nadar para a primeira mas logo quando estou chegando um braço ensanguentado me puxa para os pesadelos, faço muita força para sair daquelas mãos, e consigo entro no portal da cartiha de sonhos felizes e tenho sonhos bons a noite toda. tenho apenas 12 anos e consegui desenvolver um pouco de telepatia. depois desses sonhos sinto-me flutuando enquanto durmo, as vezes consigo enxergar os sonhos dos meus irmãos. e realmente isso acontece comigo.

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Gabriel

        Desenvolver um pouco de “telepatia” e sentir-se “flutuando”, podem ser indicadores de que você está conseguindo perceber o ambiente astral

    10. wellington disse:

      Boa noite Roberto,

      Entao nao existe o individualismo no plano espiritual?? Ou so em algunsplanos isso é possivel?? A opniao de alguem acerca de certa coisa como religiosidade ou fé ou politica cessa no desencarne ou levamos junto com agente todos esses preceitos adquiridos e construidos aqui na terra??

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Wellington

        Sim, existe a consciência do EU

        Quando eu realizo experiências de consciência expandida,posso sentir tudo e todos, sem perder minha individualidade

        Geralmente o desencarnado carrega consigo os condicionamentos e religiões do físico…

        A percepção e o entendimento depende de cada um

    11. Gio disse:

      Como desenvolver a telepatia? Eu tenho sonhos muito reais e sempre, sempre mesmo lembro deles em detalhes, já sonhei que voava e foi ótiemo, mas assim como o desdobramento isso tudo é involuntário eu não controlo e no desdobram não consigo sair por ai fico presa ao corpo, porém consciente e vendo tudo ao meu redor igualmente quando volto e acordo, nunca saio do quarto nem se quer da cama quando tentei usei a força depois o pensamento não resolveu. Como consigo sair?

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Gio
        No astral a comunicação ocorre pelos pensamentos
        Você sente e percebe os pensamentos e sentimentos dos outros
        Da mesma forma, os outros sentem e percebem o que você está pensando
        Por isso, no astral os relacionamentos são mais reais e verdadeiros, pois lá não existem mentiras
        “ficar presa ao corpo” é um fenômeno projetivo normal denominado como “Catalepsia Projetiva”
        Ou seja, você está se manifestando num “cascão” constituído de vibrações densas do próprio corpo físico

    12. Cristiano disse:

      Tenho algumas dúvidas:

      1 – Essas consciências estavam vindo ao físico por livre vontade ou teve alguma permissão para nascerem ?

      2 – Pode perceper se algumas dessas consciências estavam sendo forçadas a nascer seja porque tinha chegado a hora de voltar ao físico e se rebelam ou era imposição de alguma força maior (karma) ou isso não existe ?

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Cristiano

        Pelo que eu tenho compreendido e percebido ao longo de minhas experiências, nossa consciência não necessita da permissão de ninguém para nada

        Somos consciências livres e independentes

        É nossa própria consciência que sente, percebe e compreende suas necessidades, seus objetivos e aproveita as oportunidades reencarnatórias que surjem, entrando em sintonia vibratória e formulando uma “programação existencial”

        No físico, esta “programação existencial” poderá ser cumprida ou não, dependendo do livre arbítrio de cada um

    13. s.maria disse:

      Sr Roberto

      O senhor acredita na existência de extraterrestres? Já teve em contato com algum?

      • Roberto Pineda disse:

        Olá S. Maria

        Sim, já estive em outros planos e planetas habitados

        No meu site há alguns relatos destas experiências

        Pelo que pude sentir/perceber nestas experiências, quanto mais esclarecidas forem as consciências que habitam tais planetas, mais sutis são seus corpos, pois precisam cada vez menos de referências/necessidades físicas


    Observando o céu

       Esta noite (16/07/2017) observei que muitas pessoas no astral, ...

    Observando alieníge

     Hoje (08/07/2017) voltei de viagem e depois de dirigir ...

    Marido preso

        Hoje (17/06/2017) eu estava no astral quando fui ...

    Mudança rápida de

       Hoje (15/05/2017) eu estava projetado observando o movimento de ...

    Em um corpo tatuado

       Na segunda-feira (24/04/2017) eu estava projetado e entrei em ...