"O QUE É PROJEÇÃO ASTRAL?
Todas as noites, nossa consciência deixa de se manifestar no corpo físico e passa a se manifestar livremente num universo infinito de coisas fantásticas e maravilhosas... Habituada a esta situação, nossa consciência anseia por se libertar desligando-se instantaneamente de um cérebro físico preso a crendices, medos, condicionamentos e limitações Entretanto, quando a pessoa começa a se libertar de suas "barreiras" e a transcender a si mesma, também começa a ocorrer um fenômeno conhecido por diversos nomes: projeção astral, projeção da mente, desdobramento espiritual, projeção da consciência, sair consciente do corpo físico, experiência fora do corpo (EFC), viagem astral, etc. Porém, para mim, que vivencio este fenômeno todas as noites, passei a considerá-lo como um estado de "CONSCIÊNCIA EXPANDIDA", através do qual, posso pesquisar, investigar, analisar, realizar experiências, etc..."

Aparência cadavérica…

Aparência Cadavérica   Na semana passada (no dia 28/12/2015) meus familiares me fizeram passar por uma situação inusitada, que penso ser importante descrever, pois algum outro projetor poderá passar por situação semelhante
Ao entardecer, eu estava muito cansado e resolvi descansar um pouco
Geralmente para não ser incomodado durante minhas projeções, tenho por hábito fechar a porta do meu quarto
Porém, neste dia, deixei inadvertidamente a porta aberta
Depois de algum tempo, meu relaxamento e ou desprendimento do corpo físico deve ter sido tão intenso que causou profunda impressão em meus familiares
Eles descrevem que minha aparência estava cadavérica, dando-lhes a impressão de que eu havia morrido ou estava muito mal, fazendo-os acionar o resgate
Pois bem, retornei ao físico, repentinamente, numa situaçao de desconforto, com pessoas do resgate pegando em mim, tolhendo meus movimentos e causando-me sensação de falta de ar
Ainda, sem entender direito o que estava acontecendo, tentei me desvencilhar daqueles que agarravam, queixando de falta de ar
Aí a situação só ficou pior, pois me colocaram uma máscara de oxigênio e tive a impressão de que a médica do resgate aplicou uma injeção nas minhas nádegas
Percebi que não tinha como resistir e ainda meio  fora de mim (atordoado), provavelmente sob o efeito do oxigênio e da tal injeção, me vi obrigado a me deixar levar
No hospital, providenciaram minha internação para fazer exames e ficar sob observação
Em resumo, mediram minha pressão arterial, fizeram eletrocardiograma, fizeram exames de sangue e de urina, tiraram raio X do tórax e passei por exame de tomografia computadorizada, provavelmente para verificarem se houve algum aneurisma cerebral ou dano no cérebro
No dia seguinte, em virtude de eu estar me sentindo bem e de todos os exames terem dado resultados normais, os médicos, inclusive cardiologista e neurologista me deram alta médica
Tanto minha esposa, como meu filho e minha nora, alegam que minha aparência era impressionante, quando acionaram o resgate, dizem que eu estava meio acinzentado
Penso que algumas situações como por exemplo, calor, ar condicionado, ventiladores, aliados ao estado de projeção, relaxamento, desprendimento, ausência de sentidos, podem causar profundas impressões em eventuais observadores
Pode acontecer da consciência projetada perceber a presença de pessoas à sua volta, tentar voltar ao corpo repentinamente e entrar em EV (Estado Vibracional).
Aí as coisas se complicam, pois pode dar a impressão aos observadores que a pessoa entrou em convulsão…
Evidentemente não posso recriminar meus familiares pelos cuidados e nem mesmo lamentar o acionamento do resgate e dos cuidados médicos, pois realmente foi uma situação inusitada
Portanto, que tal situação sirva de alerta aos eventuais projetores que podem passar por coisa semelhante
De minha parte, doravante continuarei fechando a porta do meu quarto durante minhas projeções
Para quem se interessar, coloquei uma foto da cópia do meu exame de tomografia computadorizada feito na minha cabeça:
Tomografia computadorizada2

Artigos Relacionados

  • » Extrema penúria
  • » Um anjo no céu
  • » Leitos 6 e 7
  • » Estréia documentário "Voadores"
  • » Forno crematório
  • » O diabo no telefone
  • » Observando o céu
  • » Observando alienígena
  • » Marido preso
  • » Mudança rápida de ambiente
  • 49 Comentarios Até agora

    1. Felipe Miquéias disse:

      Bom dia Pineda. A um tempo atrás eu tive paralisia no sono todos os dias durante 1 ano.. e também alguns sonhos que eu percebia que estava sonhando e criava consciência.. a um tempo descobri a projeção astral e vi que a paralisia é um dos sintomas de quem tem a habilidade de projeção e então decidi aprender a me projetar.na noite anterios eu estava dormindo quando sonhei que estava pevantando da minha cama e na mesma hora percebi e pensei “eu estou me projetando” nesse momento olhei rapidamente para o lado e vi escuridão e voltei para o meu corpo e acordei, acordei ciente mas com muito medo. Infelizmente isso aconteceu num dia que aconteceram coisas ruins comigo e eu estava com um pessimismo muito grande e acredito que foi esse o motivo do meu medo e de ter durado tão pouco.. gostaria de saber se estou no caminho certo, não levando em conta os pensamentos pessimistas que eu terei que melhorar. Ah sim, desde criança que eu sinto as energias das pessoas e contagio as pessoas com meu bom humor com muita facilidade e antes eu via vultos. obg pela atenção e desculpa o texto muito grande.

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Felipe

        Sim, pelo que descreve, você tem facilidade para se projetar

        Com a continuidade das experiências a primeira coisa que perdemos é o medo, pois percebemos que ninguém pode nos fazer mal no astral

        Procure manter suas vibrações elevadas, pois isso ajuda em muito nas experiências

    2. João disse:

      Mas porque seus familiares não conseguiram acorda-lo?

    3. mateus disse:

      senhor pineda minha situação é seria venho a tempos tentando me projetar nunca consegui mas só nos ultimos dias persebi que minha “condição é meio rara” percebi que sou muito sensivel a densas vibraçoes,exemplo uma simples memoria triste do passado ja mexe muito comigo mexe tanto que uma depreção volta fico muito triste e choro, percebi isso e certos dias pra mim mim é dificil ficar com vibraçoes sutis,de todas emoçoes que tenho são muitos fracas só a tristeza é mais forte comigo. por bem falar desisti de tentar me projetar não sou uma pessoa depreciva sou até feliz as veses penso em me matar,não por tristeza e depreção,é por que não aguento viver em um mundo onde a vibração densa reina o mundo onde as condiçoes fisicas me prendem, me sinto “preso” no mundo fisico penso que seria totalmente livre no plano sutil,o que o senhor acha dessa minha “condição densa”?isso me atrapalha e muito pra me projetar. Qual seria sua opnião sincera ao meu respeito?

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Mateus

        Procure se desprender de coisas ruins e vibrações densas

        Mude o seu foco para coisas boas, para vibrações sutis

        Isso ajuda muito nas experiências

    4. Marcio Vidal disse:

      Olá Pineda,
      gostaria de sua opinião sobre a terapia de “regressão a vidas passadas”. Desde já agradeço.
      Um abraço, Marcio Vidal

    5. Kevin disse:

      voce poderia um dia filmar o seu quarto, até mesmo você quando se projetar? acho que ficariamos curiosos

    6. Allan disse:

      Sr.pineda
      Gostaria de te fazer uma pergunta.eu já tentei me projetar diversas vezes mais tudo que acontece é que eu entro em ev e somente isso.eu sei que tenho que sutilizar minhas vibrações pensando em boas coisa.mais o seriam essas coisas boas?

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Allan

        Para sutilizar suas vibrações, procure desenvolver e manter uma constante (padrão vibratório) de bons pensamentos, sentimentos, atos, palavras e sintonias

    7. Fernanda Albuquerque Vega disse:

      Boa Tarde senhor Roberto Pineda,
      Me chamo, Fernanda Albuquerque Vega moro em Dourados, Mato Grosso do Sul e acompanho seu site há algum tempo. Desde quando era criança tenho algumas impressões digamos extrassensoriais, e por isso sempre me interessei pelo mundo “espiritual” e lendo vários de seus relatos o astral interage com físico o tempo todo.
      Minha família é católica, mas nunca fomos assíduos em frequentar a Igreja apesar de eu ter feito a primeira comunhão. Devido às impressões digamos extrassensorias que tenho desde quando era criança sempre tive maior identificação com o espiritismo de Allan Kardec, mas também frequentei por pouquíssimo tempo um centro espírita porque na verdade sempre tive medo de ser médium.
      Nunca fui viciada em drogas, não bebo, não fumo e também não sou uma pessoa promíscua. Para ser sincera, acho que não sou esquizofrênica, em 2004 com 31 anos comecei a “ouvir” uma “entidade”, mas por medo de enfrentar minha realidade comecei a tratar essa “entidade” como amigo, pois tinha um aluno chamado Rafael (sou professora de espanhol) que dizia “ouvir” uma moça que dizia para ele que se chamava Belinda e eu por uma curiosidade ignorante e arrogante me interessei porque achava que tinha algum conhecimento, pois já havia lido alguns livros espíritas. Com o tempo decidi que queria “ouvir” também e consegui, desde então se passaram dez anos e eu de forma imatura e estúpida continuei tratando essa “entidade” como se tivesse um “amigo” com certeza por medo, pois sempre me senti diferente das outras pessoas e hoje tenho plena consciência de que me enganei muitíssimo em pensar dessa forma.
      Em outubro do ano passado comecei a me sentir muito mais cansada e desanimada do que o normal e no final do ano comecei a ouvir muitos palavrões que antes não “ouvia” e agora em janeiro tive a certeza que essa “entidade” escuta meus pensamentos, para ser precisa foi ontem 09/01, ou seja, ele nunca foi meu “amigo”. A partir dessa constatação comecei a pesquisar cada vez mais no seu site sobre as experiências que o senhor postou sobre os umbralinos e em sites espíritas sobre obsessão e através de tudo que tenho sentido e pesquisado, se não estiver errada, para mim é uma obsessão, pois durante todo esse tempo me comunicava mentalmente com ele e estou plenamente consciente hoje que gerei laços com ele porque ficamos na mesma sintonia vibratória. Hoje domingo continuo escutando-o, continuam os palavrões o mal-estar (sensação de peso, cansaço, desânimo e medo).
      Estou me esforçando para não dar atenção a ele, estou orando, quando oro me sinto melhor e estou vigiando meus pensamentos, pois tenho plena consciência que eles são a fonte de tudo.
      Como o senhor sempre diz é fundamental elevar nossas vibrações através dos pensamentos, sentimentos, palavras, atitudes e sintonias, confesso que comecei a fazer isso constantemente agora em janeiro, pois antes começava e desistia.
      Ainda tenho pouquíssima lucidez projetiva, as duas últimas mais intensas que tive até hoje aconteceram no ano passado e não vi e nem “ouvi” ninguém, ou seja, meu quarto estava tranquilo. Na primeira projeção era de manhã e me percebi flutuando perto do ventilador de teto que fica no meu quarto e tive dois insights que nada é o que parece e nada é tão difícil quanto se pensa. Na segunda não me percebi com o corpo que tenho no físico, mas estava já no astral numa intensa velocidade indo em direção à uma luz branca que muitas pessoas já relataram em suas EQMS, mas percebi que estava acordando no físico e a velocidade foi ficando lenta até que acordei, nessa duas ocasiões não utilizei nenhuma técnica projetiva.
      Tenho plena consciência da minha responsabilidade em tudo isso que está acontecendo em minha vida, pois fui fraca, imatura, ignorante e arrogante e também tenho plena consciência que mudar minha vida depende somente de mim, alías tudo de positivo ou negativo depende mim e assim estou através de orações e controle mental trabalhando para elevar minhas vibrações apesar de ainda sentir medo, mas agora não vou mais desistir porque quero muito mudar e sair da frequência vibratória que se encontra esse umbralino e nunca mais permitir que isso aconteça novamente em minha vida.
      Por isso, por gentileza peço que me ajude, porque lendo vários de seus relatos sei que o senhor também trabalha como socorrista, gostaria de saber o que realmente acontece comigo e resolvi enviar esse e-mail confio no senhor.
      Desde já muito obrigada pela sua atenção,
      Fernanda

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Fernanda

        Pelo que descreve aparenta ser um umbralino que quer perturbar

        Conforme você mesma já entendeu, procure elevar suas vibrações que ele se afasta naturalmente, pois umbralinos e vampirizadores geralmente não se sentem bem quando se aproximam de uma pessoa com boas vibrações

        Eles só conseguem influenciar um encarnado, se este o permitir, através dos pensamentos e sintonias

        Por isso, procure repudiar/repelir tudo aquilo (pensamentos e sentimentos) que você perceber que não são seus e que não tem a ver com você

        • Fernanda disse:

          Boa tarde Sr. Roberto Pineda!

          Agradeço muito pelas informações!!!É exatamente o que o Sr. disse. Estou estudando a dourtina espírita Kardecista para compreender cada vez melhor esse universo!!!
          Se possível, o senhor poderia apagar o comentário que fiz na sua página: /experiencias/aparencia-cadaverica. Lhe peço esse favor,porque digitei o meu nome completo no google e aparece o comentário que fiz no seu site, porque infelizmente há pessoas que não compreendem esse universo, mas pensam que compreendem e acham que a gente tem alguma doença mental ou “possessão demoníaca”.
          Desde já, mais uma vez obrigada pela atenção!!!

          Fernanda

      • alexandre disse:

        oi Fernanda também sou de dourados ms. e sempre tives experiencias desde criança gostaria de t conhecer. aguardo respostas.

    8. Marello disse:

      simplesmente hilário essa situação !!!

      O inicio do seu ano foi realmente agitado kkkk

      Deus abençoe e desejo a voce um ano cheio de novas experiências para contar pra gente.

      Um abraço!!

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Marcello

        Foi uma situação que também pode acontecer com outras pessoas que se projetam

        Por precaução, vou continuar fechando a porta do meu quarto… hehe

    9. Paulo Alves disse:

      Sr. Pineda, com todo o respeito o Sr. vai me desculpar mas eu achei esse relato muito engraçado! Talvez isso sirva para nos orientar quanto a realidade do planeta que ora estamos inseridos. O Sr. acha que um dia a realidade projetiva se tornará um tema corriqueiro em nosso meio? Distante de todo esse tabu que cerca o tema? Digo isso pq relatar minhas experiências em casa é pedir pra ser crucificado 🙁 Parabéns por compartilhar isso. Não tentou explicar pra eles?? Obrigado.

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Paulo

        Sim, num futuro próximo a projeção se tornará um fenômeno corriqueiro e será para a humanidade o mais perfeito mecanismo para conhecimentos, pesquisas e descobertas

        Entretanto, nossa evolução individual, nossa percepção e entendimento, não podem ficar da dependência dos outros também entenderem

        Para uma pessoa que se projeta, é relativamente fácil fazer as próprias experiências e comprovações

        Basta, por exemplo, tomar conhecimento (estando projetado) de um lugar e ou situação que o cérebro físico não tinha como saber e depois comprovar isso no físico

    10. Tomás disse:

      Olá roberto porque quando eu pratico a projeçao astral a minha nuca doé.porq foi na semana passada eu ia dormir fiz minha oraçao a Deus antes de dormir mi deitei e comecei a praticar e comecei a sentir as pochaçoes no dedo e todas coisas q acontece quando si pratica projecao astral depois a minha nuca começou a doer e a minha tendecia era de levantar e continuei só q mi deu vontade de levantar por causa da dor nao era uma dor forte e levantei e nao consiguí mi projetar e foi dormir normalmente.oq aconteceu poq a minha nuca doía??? Obrigado.

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Tomás

        Houve um época em que eu sentia meu cocuruto

        Descobri depois que minha consciência se manifestava por ali

        Talvez esteja acontecendo algo semelhante com você

    11. eduardo disse:

      minhas projeções acontece diariamente mais toda vez que sei que estou entrando em uma e olha em volta do meu quarto ta tudo muito escuro e sempre tem alguém um cara grande sem aparencia só tem uma capa cobrindo o rosto assim que percebo eu volto rapido pro fisico como eu faço pra perder esse medo e enfrentar quem esta ao meu redor ?

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Eduardo

        Procure sutilizar suas vibrações para facilitar sua desenvoltura e lucidez no astral

        Não tenha medo e procure conversar com esse cara grande e veja o que ele quer

        Isso fará você perceber que ele é uma pessoa comum e que ninguém pode nos fazer mal no astral

        Para sutilizar suas vibrações, procure desenvolver e manter uma constante (padrão vibratório) de bons pensamentos, sentimentos, atos, palavras e sintonias

    12. Ruy disse:

      Olá tudo bem?
      Não sei se vc pode me ajudar, mas gostaria muito da sua opinião pois me identifiquei muito com alguns dos seus posts.
      No mundo físico ja vi esferas brilhantes/flash em torno de 15 metros de distancias atravessando por trás de um telhado de uma casa por exemplo..
      Uma vez com uns 14 anos foi a primeira vez que tive essa sensação de sair do corpot enquanto dormia, tinha uma sombra tentando me tirar do meu corpo então eu olhava pro meu corpo e me via saindo dele,
      me via ali deitado dormindo e eu saindo por que tinha algo me puxando pra cima pro escuro pelo meu pé, então eu me via deitado e ficava fazendo força pra voltar pro meu corpo até que quando eu consegui eu acordei na hora e estava exatamente na mesma posição e igual eu tava no sonho…
      3 meses atrás sonhei q não podia me mexer e algo tampou os meus ouvidos e eu comecei a ouvir gritos, parecido com de mulher com som bem agudo e eu não conseguia me mexer, tipo o corpo paralisado. Essa semana sonhei de novo que não conseguia me mexer e tentava acordar e não conseguia,
      mas estava com olho aberto e não conseguia me mexer, quando uma sombra escura começou a me puxar pelo braço tipo que enchendo o saco,
      então eu cansei e meio que saia do meu corpo dando umas cutuveladas e falava sai,
      para de me encher caramba, ai a sombra se distancio e largou o meu braço e quando essa sombra largou e eu dava cutuvelada fora do meu corpo,
      o meu corpo conseguiu se virar pro lado q estava sendo puxado então eu acordei no meio desse caminho, no meio da virada de lado e quando olhei pro lado onde tinha a sombra não vi nada lá, mas sentia a sombra indo embora e voltei a dormir…
      Semana agora eu tive um dejavu também relacionado ao meu serviço, tive dejavu durante a vida toda, acontece de 2 em 2 anos as vezes demorou 5 anos pra ter um…
      A primeira vez foi quando eu tinha 7 anos, cheguei em uma casa nova onde nunca tinha visto ela e olhei pra sala mobilhada e eu ja tinha visto aquela sala exatamente como estava no momento, nunca contei pra ninguém, mas eu não entendia, quando tive uma vez na padaria com uns amigos da escola o sol tava forte então eu sabia que quando olha-se pra tenda viria alguém da padaria levantar ela,
      e foi igualsinho o q ja tinha visto, eu olhava pra tenda balançando e comentei com um dos meus colegas, caramba ja vi exatamente isso a tenda balançando a gente sentado aqui, ai ele me falou q isso tinha nome e se chamava dejavu.
      Mas eu nunca soube que fiz projeção astral e só to sabendo disso agora pesquisando na internet.
      Eu nasci batizado em igreja católica ia em igrejas evangélicas até os 18 anos, onde fui batizado também, hoje acredito no espiritismo e também em alienígenas kkkk…
      Acredito que Deus age de forma diferente na vida de cada pessoa e que todas as religiões tem seus pontos de verdade. Acredito que a bíblia foi usada de varias formas para manipular as nações.
      A maior fraqueza e força do homem é sua fé. Infelizmente tem que saber filtrar tudo e trazer um equilibro pra tudo na vida.
      Acredito na evolução do espirito pois só isso da a explicação de crianças as vezes saberem mais coisas que adultos ou pessoas velhas que tem pensamentos idiotas. O espiritismo explica melhor também o por que de alguns morrerem novos e outros nascerem com problemas…
      Na minha religião evangélica não existe espiritos vagando entre a gente apenas demônios que as vezes fingem ser algo bom, mas no fundo são todos ruins e que todos os espiritos que aparecem pra falar com as pessoas na verdade são demons pra enganar a pessoa, por que nessa religião o que é fora do plano físico é irrelevante e só nos atrapalharia na nossa vida aqui, e quando morremos esquecemos de tudo que aconteceu aqui e das pessoas que convivemos pois essas lembranças ficam na carne…
      Ja no espiritismo pelo que pesquisei, fala que tem espíritos bons e ruíns (Bons considerados curandeiros que na crença evangélica é anjo e os espíritos doentes/malignos que na crença evangélica são os demons, na minha percepção)
      então ainda não sei em quê acreditar,
      Se você souber de algo, ou tiver alguma informação que poderia me ajudar eu seria muito grato, pois tá começando a me incomodar e eu tenho muito medo desse outro mundo, apesar de estar ficando com menos medo tanto que eu falei com essa sombra pra parar de me encher e eu estava disposto a brigar com ela se fosse preciso…
      A sombra era em formato de pessoa mas era totalmente preta mesmo, com as bordas borradas, já eu estava igual ao meu corpo com com uma sensação de ser azulada e um pouco transparente parecido com filmes…
      No meio do ano passado (2015) as vezes, dava sensação que eu queria sair do meu corpo enquanto trabalhava, (Trabalho com programação onde mexe muito com lógica e exige muito da consciência) dava tipo muita agonia, se pudesse eu ia no banheiro tirar pra tirar a roupa kkkk… Mas eu via que tava exagerando e ia tomar água, sentar no banco fora do serviço…
      As vezes acho q é idiotice minha, mas to percebendo que pode realmente ser algo… Você acha que to ficando louco? Pelo menos sou um louco sensato né? Kkk… Antigamente eu tinha sensação de estar rodeado de cavaleiros com armaduras brilhantes meio que sendo protegido, onde não sinto mais desde que parei de orar antes de dormir… Acho q é só impressão minha mas não custa relatar também né… Outra coisa estranha é que sinto dores bem pequenas nos ossos, antes era só na coxa, agora também nos braços e nas pernas, mas não chega a ser dor e sim incômodos quase igual uma dor, ando meio sem tempo, mas vou no médico diagnosticar logo logo, achei coincidência com o seu posto de umbralino, será que é isso? Se eu orar resolve? O que eu preciso fazer?
      Parabéns pela iniciativa e atitude, desculpa pelo imenso texto e pela ortografia péssima, mas queria que você soube-se de tudo pra ter uma visão ampla do que ta acontecendo comigo, muito obrigado, grande abraço!!!

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Ruy

        Fique tranquilo, pois estas coisas que você relata são normais

        Quando saímos com pouca lucidez e desenvoltura, tudo fica meio estranho.

        Se a pessoa não tem entendimento sobre o fenômeno, fica com medo e aí as coisas se complicam

        As vezes esta pessoa que você viu era apenas um amigo na espiritualidade, esperando você sair do corpo e você ficou com medo

        As vezes pode acontecer da pessoa se sentir presa no corpo e não poder se mexer. Isso acontece devido sua consciência já estar se manifestando parcialmente no corpo astral. Por isso, você tenta mexer o corpo físico e não consegue. Isso é conhecido como “Catalepsia Projetiva”, ou seja, é um fenômeno pré-projetivo, onde a consciência está quase saindo.

        Basta manter a calma, procure sentir seu corpo astral e inicie um suave balouçar com seu corpo astral que você sai totalmente do físico

        Quanto ao chamado “Déja vu” é apenas um fenômeno de percepção da consciência. Ou seja, nossa consciência pode antever os acontecimentos próximos e dar a sensação para o cérebro físico daquilo já ter acontecido

    13. Marcela disse:

      Boa noite sr. Roberto!

      Há alguns anos venho tendo experiências de projeção. Tenho me concentrado e focado, no dia a dia, na vontade de viver as experiências para aprender e ajudar quem eu puder, feito ao longo do dia vários “reality checks” e conseguido alguns sucessos, mas as experiências de ontem foram muito marcantes e por isso resolvi compartilhar.
      Por semanas eu vinha focando em um objetivo simples quando conseguisse projetar, de forma que fosse fácil focar e adquirir a consciência e a lembrança ao despertar. Esse objetivo era, projetada, visitar o quarto da minha filha mais nova (5 anos) e ver se ela me via 🙂
      Na noite passada, já dormindo, primeiro escutei nitidamente minha mãe entrando no meu quarto, falando bastante e bem alto como é o jeito dela – mas detalhe, ela não mora comigo, e se projeta habitualmente. Foi quando “a ficha caiu” de que meu corpo dormia, mas minha consciência estava desperta, e logo entendi que minha mãe havia vindo visitar em projeção – haviamos almoçado juntas e compartilhado preocupação com a saúde de uma pessoa da família. Logo após isso, voltei à inconsciência para depois de alguns momentos me achar consciente de novo num estado de vibração que nunca havia experimentado antes, muito intensa, passando por todo o meu corpo como um choque que não machucava. Pensei muito calmamente “estou saindo, é agora, é agora”, acho até que cheguei a falar em voz alta “vai, não tenha medo”, até que senti um “descolamento” muito nítido, me senti me soltando do meu corpo e flutuando, e instantaneamente estava entrando no quarto da minha filha mais nova, como eu havia me proposto. A casa estava toda escura e o quarto dela com a luminosidade do abajur, me aproximei da caminha dela e vi ela se ajoelhando e se aproximando de mim meio em dúvida, como se não tivesse certeza de que era eu, lembro que até pensei “será que fico muito diferente e ela não está me reconhecendo?”. Ela olhou para mim por uns segundos até que disse, ou pensou, “mamãe! Quero ir com você pra sua cama”. Não sei se era ela realmente acordada, ou sua própria projeção 🙂 E eu disse “não amor, durma na sua caminha”, pois fiquei com medo de ela ir comigo e ver duas de mim, uma deitada na cama e outra do lado dela 🙂 Aí ela começou a chorar e eu me assustei, voltei muito rápido e ao despertar estava taquicárdica. Tive dificuldade de adormecer de novo, sempre que pegava no sono os ruidos intracranianos (estalidos bem altos, é assim que os ouço) me acordavam e eu ficava assustada de projetar de novo, que bobagem minha 🙂 Umas duas vezes tive uma sensação de descolamento e “re-colamento” muito rápida, tipo “zoom-in e zoom-out” ou um encaixe-desencaixe entre meu corpo e meu espirito, como se eu estivesse mesmo com medo de projetar totalmente. Isso fez do resto da noite um suplício, não consegui mais descansar 🙂 Mas também foi aprendizado e o meu próximo passo será no sentido de tentar controlar essa ansiedade/medo!

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Marcela

        Fique tranquila, pois pelo que descreve foram sintomas e percepções normais da projeção

        Geralmente uma forte emoção no astral mexe com nosso metabolismo nos puxando de volta para o físico

        Continue com suas experiências normalmente, que você acaba desenvolvendo o controle

        Sua filha se lembrou de alguma coisa???

    14. lou disse:

      Olá, há possibilidade de ter acontecido toda esta situação sem que você se apercebesse para lhe mostrar a certeza de sua saúde em relação a seus acontecimentos extrafísicos, ou seja, sanidade mental+ saúde= projeção astral 100%….. Tenho umas perguntas: Porquê nas minhas observações existem espíritos que andam e tem o corpo idêntico ao nosso, ou usam túnicas cobrindo todo o rosto como não quisessem mostrar, e outros que flutuam com uma espécie de fumaça cinza clara com cinza escuro azulada saindo de todo o corpo e o rosto não tem expressão, “como se fosse uma mascara” e há outros que tem aparência de seres de filme do senhor dos anéis, e outros que tem a silhueta de um corpo como o nosso mas são totalmente iluminados como se olha-se para uma lâmpada fluorescente, sendo que não dá para ver seus contornos ou mesmo rosto, e geralmente este último abre uma espécie de buraco ou portal como se derretesse a dimensão mais densa para passa-la.E para finalizar, se gentilmente poder me responder, por que existe lugares gigantes com milhares de pessoas com os braços acinzentados levantados pedindo ajuda e alguns seres flutuando perto destes moribundos com uma luz muito forte branca e saindo de suas cabeças um foco forte de luz como se procurasse algo ou alguém, todas estas situações eu observei fora do corpo mas não pude intender, pesquisei mas os artigos em relação a dimensão extrafísica são escassos. Obrigado.

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Lou

        No astral as pessoas podem adotar/criar/plasmar a aparência que quiserem

        Alguns se deixam levar por suas fantasias, crenças, gostos, objetivos, o que estão sentindo, etc

        Não se preocupe com o que você enxergar no astral, procure apenas entender o significado, o sentido daquilo que está vendo

    15. Tomás disse:

      Ola roberto eu mi interecei por este assunto sou novato em projeçao astral quero relatar uma coisa q aconteceu cmigo nao sei si foi uma projeçao conciente:foi na semana passada no domingo eu estava dormindo aqui onde moro estava a chover acordei de manha meu pai ja tinha acordado a muit e minha maé e acortei eu vou a igreja as 9horas e acortei 8 e vi q ainda começou a minha igreja esta perto da minha casa.e voltei a dormir e estava cm sono e pessei em mi projetar comecei a praticar as tcnicas só q eu esta com tanto sono q acabei dormindo no meio da tecnica.só nao sei si sonhei ou mi projetei eu acordado levantei da cama olhei para janela do meu quarto e vi a minha igreja ja tinha pessoas.e levantei da cama fui na sala e foi la fora uma coisa eu na mi via reparei minhas pernas e nao vi ne as mãos.foi a casa de banho e estava diferente.depois meu pai acordou-mi dizente nao vaiz a igreja cm o susto acordei uma coisa interessante quando acortei foi fora vi a igreja estava com pessoas comesando o culto E eu nao estava com lucidez nao estava lucido.OQUE ACONTECEU FOI UMA PROJEÇAO OU PROJEÇAO INCOCIENTE???Que deus ti abençoe abraço.

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Tomás

        Pelo que descreve, foi sim, uma projeção

        O culto na igreja pode ter sido apenas no plano astral

        Nossa consciência pode trazer para o mesmo campo de visão coisas próximas e ou distantes, bem como lembranças de coisas vistas

        Além do quê, no astral as pessoas podem criar/plasmar coisas com certa facilidade

        Por isso, é normal enxergar coisas diferentes no astral

    16. Tomás disse:

      Olá roberto umas perguntas:é possível exemplo:eu mi projetar exemplo eu mi projetar anoite quando for dormir entao eu sair do corpo .é possível no astral encotra uma amiga sonhando (encarnada) posso chegar ante ela falar com ela depois levala para pacear voar perambunando por ai si ela acordar na manha siguinte ela vai recordar oque aconceu?é possivel isso?? Uma outra pregunta é uma pregunta meio estranho é possível beijar no astral enxemplo beijar uma raparia q esta sonhando (encarnada)?? obrigado abraço.

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Tomás

        Sim, durante a projeção podemos interagir com muitas pessoas que também estão fora do corpo

        O difícil é as outras pessoas se lembrarem disso, pois ainda são poucos que fazem projeção

        A maioria da população não tem percepção de suas saídas durante o repouso físico

        Sim, o beijo pode acontecer no astral, porém as impressões podem ser variadas

    17. Luiz Francisco disse:

      Encaixou bem a foto do necrotério…ficou cadavérico mesm1o

    18. Olá pessoal disse:

      Tive algumas experiências de projeção, primeiramente sinto um pequeno zumbido, depois a paralisia e ai sinto que estou caindo ou mesmo voando em alta velocidade, mas não consigo ver nada. Uma vez tive uma experiência diferente, estava pegando no sono e comecei a ouvir uma musica alta e de ótima qualidade e a musica que tocava nunca ouvi em nenhum lugar, na minha cabeça achei que fosse um vizinho com som alto e quando levanto a cabeça do travesseiro…simplesmente silencio total, voltei a dormir e em poucos instantes ouço a mesma musica, dai relaxei e acabei dormindo.
      Gostaria de algumas dicas para poder evoluir com este dom e quem sabe poder ajudar pessoas e trocar conhecimento no astral

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Robinson

        Continue tentando que você consegue

        Ouvir musica no astral já é um bom indicador

        No meu site descrevi algumas “dicas” que poderão ser lidas no link abaixo:

        http://projecaoastral.com/tecnicas/

        Sutilize suas vibrações e tenta e técnica do corpo oco

        Para sutilizar suas vibrações, procure desenvolver e manter uma constante (padrão vibratório) de bons pensamentos, sentimentos, atos, palavras e sintonias

    19. Marina disse:

      Olá, quando eu era bem criança acontecia algumas coisa bem estranhas e que eu não entendia e sempre achava q era algo ruim porque tinha medo. Por exemplo quando criança eu acordava constantemente de madrugada e via um homem com uma bicicleta na porta de meu quarto (mesmo escuro e com as luzes todas apagadas) ele sempre ficava lá olhando pra mim e quando eu levantava e tentava ir pro quarto da minha mãe ele dizia “não” então eu com medo voltava a dormir. Após algum tempo e ao mudar de casa nunca mais vi esse homem ou nada parecido. Outra coisa q acontecia sempre é que eu sempre sonhava um mesmo sonho quando mudava de casa. Sempre do mesmo jeito até q uma vez parou de ocorrer tudo isso. Também tenho dejavu, mas agora com menos freuencia q antes. O senhor poderia me explicar o que poderia ser esses acontecimentos ocorridos na infância ? Sempre quis saber se é um espírito ruim ou algo que pudesse me prejudicar.

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Marina

        Pode ser que este homem era apenas um desencarnado ainda preso as habitualidades do físico e por isso usava bicicleta

        Não se preocupe com isso

        O chamao “Déjà vu” é apenas um fenômeno de percepção da consciência que dá a impressão de ser algo já conhecido, pois é uma informação da consciência e portanto externa ao cérebro físico, causando estranheza

    20. Naiane disse:

      Quando eu tinha 12 anos aconteceu pela primeira vez comigo a paralisia do sono. Nossa fiquei muito assustada, depois desse dia aconteceram outras vezes, com menos frequência, mas não me assustaram tanto porque eu já sabia que era sonho e depois dormia ou acordava. Hoje tenho 22 anos e a menos de 18 meses descobri sobre a projeção astral que me fascinou bastante, já estou praticando, por enquanto sem sucesso. Mas continuarei a praticar.

    21. Thiago Galvão disse:

      Oi Roberto;

      ontem assisti um filme sobre projeção astral; chamasse Sobrenatural (Insidious). Nele um garoto que possui essa habilidade, saí do corpo físico e se perde em “o distante” que seria as regiões umbralinos; e seres malignos sabendo disso, tomam posse de seu corpo físico.
      O senhor afirma com certeza, de que isso não é possível??

      • Roberto Pineda disse:

        Olá Thiago

        Não é possível se perder no astral, basta pensar no corpo físico que a pessoa volta instantaneamente

        Não é possível a nenhuma outra consciência assumir nosso corpo, pois ele é constituído por nossas próprias vibrações

        Nossa consciência só consegue se manifestar no corpo de outra pessoa, se ela aceitar isso, por estarmos em perfeita sintonia e isso não lhe causar estranhezas

    22. jaqueline disse:

      Ola.
      Tenho 20 anos mas desde criança tenhos essas experiencia de paralisia do sono,e so recentemente descobri que isso tem haver com desdobramento astral.
      Mas sempre tive muito medo,um medo absurdo incomparevel a qualquer coisa dessa nossa realidade consciente. As experiencias sao assim : minha mente acorda subitamente e eu vejo”seres” esfumaçados sempre,como borroes mas nunca vejo o rosto, algumas vezes dizem telepazticamente que vao me levar com ele, tem uma energia muito forte e sombria,como se encobrisse tudo de bom de paz e luz que conheço.
      No meio desse caos todo fico querendo me debater..mexer..escapar,mas nada adianta. Quando finalmente volto ao meu corpo fisico me sinto como se tivesse corrido muito, gritado muito, tanto é que fico toda suada, e minha voz fica rouca. mas como meu corpo pode sentir esses efeitos sem ao menos o meu eu “consciente” meu corpo fisico ter gritado de verdade??
      Ainda relacionado a essa pergunta, certa vez “sonhei” que algo ou alguem me segurava com muito força pelo braço ao acordar meu braço estava levemente roxeado e dolorido naquele lugar.
      Outra experiencia que tive, durante uma semana sonhava com uma casa,que eu estava dentro dessa casa,percorria a sala ,cozinha ,quarto. mas em um canto da sala havia um porta qye dava acesso a casa ao lado ( aquelas casas com parede germidas) emfim,passado um mes tive que me mudar da residencia que eu me encontrava. Ao chegar na nova casa ogo que percorri todos os comodos percebi que aquela casa era a casa que eu havia visto nos meus sonhos. Identica.tudo.ate a porta na sala que dava acesso a outra casa ao lado. Até hoje nao entendo o que aconteceu,pq eu vi a futura casa que eu iria morar sem ao menos ninca ter passado nem na ffrente dela ?, e quem dera ter entrado.
      Comente sua opiniao sobre esses relatos,estou bastante confusa.
      Obrigada.

    23. Mileide disse:

      As vezes me incomoda passa a maior parte da noite fora do meu corpo, na maioria das vezes estou resgatando pessoas e quando volto sinto dor no corpo e na cabeça… Como faço pra volta sem prejuticar meu corpo fisico?

    24. Marcos Paulo Gonsalves de Oliveira disse:

      Olá irmão! Muitas de minhas dúvidas foram sanadas com os relatos.tenho sofrido com a Catalepsia projetiva a tempos e só recentemente descobri o real sentido. A sensação é realmente angustiante: faltá de ar, desespero e a sensação horrível de alguém no astral querer me fazer mal, porém não lembro do rosto. Tento fazer exercícios para conseguir me projetar de forma lúcida, mas ainda não consegui. O máximo que consegui foi ouvir um “chiado ” semelhante a uma estação de rádio fora do aRio e não ouço o ambiente de minha casa. Quando retorno, o chiado acaba e volto a ouvir o som do ambiente de casa. Estou no caminho certo? Gratidão!


    Extrema penúria

           Esta noite (02/12/2017) encontrei um grupo de ...

    Um anjo no céu

           Esta noite (08/10/2017) eu estava projetado dentro ...

    Leitos 6 e 7

       Esta noite (29/09/2017) adquiri consciência em plena atividade ...

    Estréia documentár

        Evento para convidados na estréia ontem (24/09/2017)  no ...

    Forno crematório

        Esta noite (04/09/2017) fui atraído pelas vibrações, sensações ...